O Portal da sua Alimentação Espiritual

Assim como o Pai que vive, Me enviou, e igualmente eu vivo pelo Pai,também quem de Mim se alimenta, por Mim viverá. Jo 6:57

Carisma e caráter

O problema dos lares está no desequilíbrio entre carisma e caráter. Carisma é a junção de talentos naturais, espirituais e ministeriais. Já o caráter é santidade, humildade e verdade; é conhecer, entender e obedecer a verdade de Deus. Você já percebeu que somos deficientes no caráter e perfeitos no carisma? Há um grande desequilíbrio entre carisma e caráter na vida de todos os cristãos. Abraão foi o pai da fé, mas ele era um homem carismático e com deficiência no caráter (leia Gênesis 12). A desobediência em ir para o Egito e o medo, o fizeram mentir e revelar sua infidelidade conjugal ao entregar sua esposa Sara para o Faraó. Isso comprova o seu caráter deficiente. Em Gênesis 12:13, Abraão estava preocupado consigo mesmo e não com sua esposa. Embora fosse cheio de carisma lhe faltava caráter.

A bênção está onde há equilíbrio! Por isso, se uma família é rica em carisma e pobre em caráter, ela tem mais maldição do que bênção. Em Efésios 5:31-33, o relacionamento conjugal é definido como um “grande mistério”. Mistério é algo oculto que não conhecemos e que precisamos de uma ministração sobrenatural do Espírito para compreender. Para se entender o matrimônio é preciso estar no Espírito, pois as coisas espirituais só são compreendidas pelo espírito (1Co 2:14).

A nossa mente natural bloqueia a revelação de mistérios. Portanto, o carisma é como uma venda que nos cega. Por isso, Deus ordena que sejamos sóbrios e vigilantes, que vivamos no Espírito. Precisamos deixar que Deus abata e destrua o velho homem em nós. O Senhor não analisa carisma, mas caráter. Quando nos humilhamos, ganhamos como recompensa o governo de Cristo. Receber a revelação do mistério nada mais é do que deixar o Senhor entrar, revelar e cumprir o mistério em sua vida.

O temperamento é um espírito maligno que age na alma humana. Ele só é vencido com mansidão e humildade. A mente não pode controlar nossa vida, pois ela é cheia da natureza caída. (Rm 7:14-20) Em nossa vida e, principalmente, em nosso relacionamento conjugal tudo depende de quanto obedecemos e não de quanto você conhece de Deus.

Precisamos de vida, que é santidade e humildade. Quem é humilde tem capacidade de padecer e vencer. É comum vermos Deus libertar, curar, prosperar, operar milagres e maravilhas. Já a restauração familiar é algo que não vemos, pois todos endurecem o coração para o Senhor Jesus trabalhar. Duas almas só darão certo quando forem controladas pelo Espírito de Deus!

Em Mateus 11:28-30, Jesus faz um convite a todos nos, Ele diz: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve”. A seguir, Ele diz: “Tornai-vos, pois, praticantes da Palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos” (Tg 1:22).

Equipe Pão de Judá


DESTAQUES DA SEMANA

Scroll Up