O Portal da sua Alimentação Espiritual

Assim como o Pai que vive, Me enviou, e igualmente eu vivo pelo Pai,também quem de Mim se alimenta, por Mim viverá. Jo 6:57

Ananias e Safira

De Deus não se zomba!

Essa passagem nos ensina que DEUS é onisciente, ou seja, Ele sabe tudo que se passa em nosso interior. Portanto não adianta forçar atitudes que não são nossa realidade, é pior, isso é ser falso e malicioso, ninguém zomba de Deus! A partir dessa experiência as pessoas viram que tinham que andar com o coração limpo e transparente e serem verdadeiramente produtivos para Deus, melhor é sermos transparentes com Deus. Porque Deus não aceita obras inspiradas pela mente humana, a mente humana é contra
a mente de Deus. No Reino de Deus as obras são somente as obras do Espírito. Muitas vezes Deus só nos usa quando nos descuidamos e isso ocorre porque passamos a maior parte do tempo calculando nossas atitudes para obtermos o que nos interessa e não fazemos pelos interesses de Cristo.

Deus dá tempo para o arrependimento!

Deus é paciente e sabe de tudo, certamente eles tiveram muitas outras experiências parecidas aonde usaram da falsidade e manipulação para obterem o que queriam. Conduta essa que foi consciente e sem arrependimento. O julgamento de Deus nessa experiência nos ministra a morte espiritual, pois por muitas vezes realizamos obras falsas e cheias de segundas intenções, de maneira consciente e achando que Deus não vê ou não vai fazer nada e que nunca irá julgar! Mas já pensou que o julgamento
pode ser a morte espiritual e que isso é muito mais grave que a morte natural?

O foco da submissão: os interesses de Cristo.

Safira não foi submissa mas sim complacente com a mentira, ela teria sido submissa se tivesse mostrado a palavra ao marido e assim teria o auxiliado com idoneidade.

Em primeiro lugar devemos submissão à Cristo, portanto tudo aquilo que vai contra a palavra de Deus, somos respaldados por Deus para não obedecer independente de qual seja a autoridade. Temos que ter em nós a realidade de que a salvação é individual, quem nos comprou foi Jesus e nosso dono é Ele, portanto nossa submissão a Ele deve ser absoluta! Nossas autoridades não podem nos impedir de servir a Cristo e também não precisamos pedir autorização para fazer aquilo que Deus já nos chamou e nos capacitou, seja qual for o serviço. Devemos analisar nossas condutas, se nós não usamos como desculpa a submissão para fazermos nossas vontades. Isso prejudica o Corpo de Cristo e o avanço da igreja. Importa agradar a Deus e não à homens.

Ir para o Totpo